Editorial



Em 2014, a Assembleia Geral da NTC&Logística elegeu para cumprir mandato de três anos uma nova diretoria presidida pelo até então vice-presidente, o empresário goiano radicado em Brasília José Hélio Fernandes. Para completar o quadro de novos diretores, foram eleitos nomes de alto quilate e competência comprovada. Todos eles empresários, dirigentes ou ex-dirigentes de importantes entidades empresariais do Transporte Rodoviário de Cargas (TRC). Três anos depois, a mesma Assembleia voltaria a eleger uma nova diretoria, também presidida por Fernandes e integrada por uma interessante mescla de novos componentes – igualmente notáveis – com remanescentes da gestão anterior.


Muitos acontecimentos deixaram marcas profundas no Brasil e no mundo. No campo da política doméstica, entre incontáveis fatos, o Brasil assistiu ao início da Operação Lava Jato, a reeleição e o impeachment de Dilma Rousseff ocorrido em meio a uma crise econômica de alta voltagem e longa duração. Já o governo de Michel Temer lutou contra uma greve de caminhoneiros, cujos reflexos no PIB perduram. Em 2018, Jair Bolsonaro foi eleito com larga margem de votos.


Evidentemente, nem a economia brasileira nem o TRC passaram incólumes aos chuviscos, chuvas e temporais de grandes proporções. Alguns desses fenômenos são de dimensão até então imaginável, considerada a tradição política brasileira. A NTC&Logística, por seu lado, não se limitou ao papel de espectadora privilegiada do que se desenrolava à frente dos seus olhos. Ao contrário, levou o setor a conquistar o papel de protagonista, sempre que a situação o exigiu. Aliás, postura forjada em 56 anos de história.


A entidade conclamou o empresário de transportes a opinar democraticamente sobre todos os assuntos de interesse. Ofereceu informações preciosas, ouviu a voz de todos e reverberou as posições do transportador pelos gabinetes mais distantes. Para isso, reativou o CONET&Intersindical que se encontrava há muito tempo inativo a partir de uma edição piloto realizada em Fortaleza, ainda em 2014. No ano seguinte, começou a andar pelo Brasil em duas edições anuais realizadas em São Paulo, Rio de Janeiro, Salvador, Bento Gonçalves, Natal, Florianópolis, Rio Quente, Vitória, João Pessoa e São Luís. Isso possibilitou aos transportadores de cada localidade se inteirarem dos acontecimentos e participar das decisões.


Outro foro digno de destaque foi a continuidade e o incremento do Seminário Brasileiro do Transporte Rodoviário de Cargas, realizado anualmente nas dependências da Câmara dos Deputados por iniciativa da Comissão de Viação Transportes em conjunto com a FENATAC. A NTC sempre contribuiu substancialmente sugerindo temas, convidando palestrantes, estimulando a presença de transportadores de todo o Brasil e participando ativamente da organização do encontro de maneira ativa.


Esse evento, que em 2020 comemora 20 anos, possibilita ao empresário do TRC colocar sua opinião e debater as mais relevantes questões frente a frente com parlamentares e membros do executivo.


Cunhado pelo próprio presidente José Hélio, o lema Atitude e Gestão continua atual. Até porque, além de pregar para as empresas transportadoras sua aplicação prática e cotidiana, a própria NTC o aplicou integralmente desde 1º de janeiro de 2014, como se poderá perceber ao longo desta publicação.


Receba então o nosso convite e passeie pelas páginas desta edição especial do Anuário NTC 2019/2020.


Os Editores


atendimento@ntc.org.br

11-2632-1500

11-4810-4098

  • White LinkedIn Icon
  • White Facebook Icon
  • White Twitter Icon
  • White Instagram Icon

©2023 by DBA&C Associados.

Proudly created with dbassociados.com

SAS – Quadra 1 – Lotes 3/4  Bloco “J” 7º andar Torre “A” Edifício CNT

70070-010 - Brasília/DF